sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Oficina de Brinquedos pedagógicos-Resumo.


                 Entrar numa brincadeira de uma  criança, é entrar numa dimensão de comunicação na qual
 não há  palavras para descrever o mundo de fantasia que é criado por elas e que se apresentam diante
 de nossos olhos de uma forma que nos encantam e ensinam tantas coisas belas.

                Neste trabalho, o qual relato, usamos a criatividade como fonte de estímulos para criar atividades
 lúdicas que podem enriquecer o mundo infantil em suas diferentes etapas evolutivas. Onde foram usadas
 materiais diversos como: Isopor, palito para churrasco, cola de isopor, tinta guache, pincel, papel
 chamex, fio de nylon, garrafas de pthula e caixas de fosfóros.
              
                Com este material, elaboramos e confeccionamos três tipos de brinquedos:

  •  Ábaco
  • Vai-e-vem
  • Móveis de brinquedos.
              O ábaco é destinado para crianças de 3 a 7 anos, e tem como objetivo desenvolver nas
 crianças a arte de aprender as cores, os números, como forma de contar e assim poderá ser feito
 as operações de matemática, como adição e subtração ou trabalhar a ordem crescente e decrescente.
 Vai despertar o interesse pelas operações de uma forma divertida.

              O vai-e-vem, é um brinquedo destinado para crianças a parti de 4 anos, e seu objetivo
 é trabalhar a coordenação motora da criança, e onde também terá a noção de abrir, fechar, longe, 
 perto, despertando  o seu  interesse e a assimilação do seu próprio corpo.

              Os móveis de brinquedos, tem como objetivo, as disciplinas de geografia e matemática,
 onde na geografia trabalha-se o social da criança, como mostrar os cômodos de uma casa,
 enfatizando que cada cômodo existe um tipo de móvel. Na matemática pode-se trabalhar os 
 valores dos móveis evidenciando o custo de cada um. Também, pode-se ensinar as cores.
 Este brinquedo é destinado a crianças do maternal em diante.

                Pode-se perceber que através dos brinquedos e jogos infantis, a criança também obtém
 prazer, pondo em prática seus desejos. A criança imita com suas brincadeiras o mundo dos adultos
 e , é importante oferecer a ela, condições para que desenvolva habilidades que lhe permitam sonhar
 suas realidades. E essas condições deve ser trabalhada pelo educador com a realidade da criança e da escola, através de aulas diferenciadas e dinâmicas.


                   

              
             

domingo, 19 de setembro de 2010

MÚSICA GOSPEL-VIDEO 1

Regimento Escolar das Escolas Públicas Estaduais.

O que é regimento? É um conjunto de regras estabelecidas por um grupo, para regulamentar o seu funcionamento. É o regimento interno que determina como será o julgamento de uma  situação que,
apresentada ao grupo constituído, tomará as decisões necessárias em qualquer problema apresentado.

O regimento que regula todas as escolas do Pará, visa informar o corpo discente de seus direitos e
deveres como também suas obrigações dentro de um espaço escolar.Isso possibilita a construção
curricular, através de uma participação mais ativa e de um diálogo mais abrangente, com todos os
sujeitos envolvidos neste processo, ou seja, docentes, discentes e comunidades escolar.

O regimento interno de uma escola, com a comunidade inserida neste processo, gera autonomia
escolar, para que estas possam assim, construir suas propostas pedagógicas de acordo com as
reais necessidades escolar e da comunidade local como um todo. Esta proposta é também  uma
proposta de política pública de uma educação cidadã, que tem como objetivo a construção de
uma sociedade justa e humana, uma sociedade que tenha compromisso com a educação.
O regimento escolar busca cooperar, com as comunidades envolvidas numa educação que abrange,
todo um processo que venha viabilizar meios, para que a educação seja inserida num conjunto de
formação de construir juntos um país mais centralizado no desenvolvimento do caráter do cidadão,
para que o mesmo, chegue a um conhecimento adquirido neste processo.

Postagem em destaque

Inesquecível

Tudo não passa de fragmentos em minha mente... fragmentos de momentos vividos que ficaram presos em algum lugar da minha memória.  No entant...