sábado, 22 de outubro de 2016

A BREVIDADE DA VIDA

Fico eu aqui pensando, sobre a brevidade da vida...nossa vida é um sopro...uma pequena e frágil vela acesa, que pode se apagar de repente. Vejo pessoas brincando com a vida de outros, vejo pessoas brincando com a sua própria vida...sem nenhum direito, pois somente Deus tem esse direito por ser o autor da vida.
Nossa vida é breve...é rápida. E existem pessoas que querem ser tão mais que o outro, tão mais isso....tão mais aquilo...e nós não somos nada disso,ou daquilo...somos valorizados pelos valores que Deus atribui à nós por sermos feituras das mãos Dele.
Agora a vida é breve...a qualquer momento o sopro termina...a qualquer momento vem um vento forte e apaga a vela da vida... Aí vem uma pergunta em meu coração...o que temos feito enquanto seres humanos que somos, criados a imagem e semelhança de Deus, por outros semelhantes a nós? O que temos feito para contribuir com a felicidade do nosso próximo? Essa brevidade da vida, não nos permite demoras...não nos permite achar isso ou aquilo...não nos permite achar que somos maior que o outro...não nos permite destruir vidas...não nos permite tirar vidas.
Essa brevidade nos permite viver...nos permite fazer o outro viver...cuidar sem interesses próprios ou com amor fingido..
A nossa felicidade consiste em fazer o outro feliz...para quando Essa brevidade acabar, chegar ao seu final...que os outros possam dizer que a vida foi breve mais valeu a pena a nossa jornada, a nossa passagem por aqui.
Porque tudo que fizermos para o nosso próximo,pela vida do outro, precisa ter valido a pena...simplesmente assim!

Por: Dhi Pires

Postar um comentário

Postagem em destaque

Inesquecível

Tudo não passa de fragmentos em minha mente... fragmentos de momentos vividos que ficaram presos em algum lugar da minha memória.  No entant...